SEO

09/08/2017

SEO

SEO significa Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca). É um conjunto de técnicas de otimização para sites, blogs e páginas na web. Essas otimizações visam alcançar bons rankings orgânicos gerando tráfego e autoridade para um site ou blog.

Dessa forma, um site muito bem feito e com excelente conteúdo resulta em qualidade e relevância na web. O desafio, entretanto, é superar alguns erros de SEO que podem comprometer todos os esforços de aproximar sua marca dos clientes e potenciais consumidores.

Como funciona?

Uma das maiores ambições das empresas que investem em Marketing Digital é alcançar as primeiras posições nos mecanismos de busca — afinal, quem não quer cliques gratuitos e mais visitantes em seu site?

No entanto, estar na internet não é o suficiente para garantir que seu site, e-commerce ou blog consigam um lugar na primeira página do Google: é preciso investir em uma estratégia específica para otimizar os resultados e garantir que sua empresa alcance um bom posicionamento.

 

Afinal a concorrência pelas posições nos buscadores está cada vez maior com as empresas vivenciando esse período de transformação digital.

O SEO é a chave para alcançar esse objetivo. Quanto mais otimizado seu blog, site ou e-commerce estão, maiores as chances da sua marca se destacar de forma orgânica — ou seja, sem ser por anúncios.

Nesse post você aprenderá tudo que é necessário para compreender o conceito de SEO, desenvolver uma estratégia de sucesso e atrair mais visitantes para o seu site.

O que é SEO (Search Engine Optimization)?

SEO significa Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca). É um conjunto de técnicas de otimização para sites, blogs e páginas na web. Essas otimizações visam alcançar bons rankings orgânicos gerando tráfego e autoridade para um site ou blog.

Essa estratégia é fundamental para sua empresa ganhar destaque, visibilidade no mundo digital e, por consequência, mais leads, clientes e faturamento para o seu negócio.

Como?
Com a otimização de site e blogs com o uso de técnicas para melhorar o rankeamento destas páginas e posicionando a sua empresa nos primeiros resultados do Google, por exemplo, aumentam (e muito) suas oportunidades de negócio, já que 90% das pessoas que fazem pesquisas no Google clicam apenas em resultados que aparecem na primeira página do mecanismo.

O principal objetivo do SEO, então, é aumentar o volume do tráfego orgânico e garantir mais visibilidade para as páginas na web.

Bacana né?
Vamos explicar a você agora, passo a passo, os conceitos mais importantes de SEO e vamos ensinar as estratégias que usamos para atingir os primeiros lugares do Google.

> E tudo começa quando o usuário faz uma busca.
> A psicologia da busca e os três tipos de busca

A psicologia da busca gira em torno do usuário: suas necessidades, sua forma de buscar por respostas, os resultados que ele espera ao buscar algo e etc.

De forma resumida, a psique humana frente aos mecanismos de busca passa pela necessidade de suprir um desejo específico, que pode se manifestar de formas diversas, e é papel das empresas que investem em Marketing Digital responder de forma objetiva a todas essas dúvidas e necessidades.

Por isso, quando pensamos no entendimento dos processos de pesquisa, é preciso sempre se colocar no lugar desse usuário que está buscando por alguma informação em um mecanismo de pesquisa como o Google.

E um dos primeiros passos para entender a busca do usuário é conhecer a intenção de pesquisa. Conhecer essa intenção é fundamental para conseguir atrair o público correto para o seu site.

Portanto vamos explicar para você o que leva o usuário ao Google. Existem três tipos de busca:

1. Pesquisa ou busca navegacional
Este tipo de pesquisa — também conhecida como pesquisa de atalho — é realizada quando o usuário já sabe para qual site gostaria de ir, mas talvez não se lembre da URL completa ou esteja com preguiça de digitar.

Por exemplo, se o usuário busca por “Rock Content” ou “blog da Rock Content” para encontrar nossos conteúdos, sua intenção de pesquisa é clara e, por isso, são poucas as chances deste usuário mudar seu destino final na web — essa pessoa já sabe o que procura.

2. Pesquisa ou busca informacional

Como o próprio nome diz, na busca informacional o usuário busca por informações, seja por meio de notícias, releases de algum produto ou artigos explicativos.

Ao contrário da pesquisa navegacional, nesse caso o usuário não sabe exatamente em qual site chegará para encontrar o conteúdo que procura, pois não é possível identificar claramente sua intenção de busca.

Por isso é tão importante que as empresas tenham um bom rankeamento no Google.

Por não saber exatamente qual site quer visitar, o usuário tende a utilizar os resultados orgânicos para procurar a solução da sua dúvida ou necessidade, e é nesse momento que o bom posicionamento do seu blog ou site é algo vantajoso para os negócios. Veja um exemplo de pesquisa informacional:

 

3. Pesquisa ou busca transacional

Nesse tipo de pesquisa o usuário está buscando executar uma transação. Seja comprar diretamente um produto, encontrar uma loja, ou fazer qualquer outro tipo de transação online.

Esse tipo de pesquisa é extremamente valiosa, especialmente para e-commerces.

Agora que você já entendeu os 3 tipos de busca, no próximo tópico vamos explicar como funciona o maior mecanismo de buscas do mundo, o Google.

 

 

Queremos te ajudar.
Entre em contato e descubra como aumentar suas vendas. Na próxima matéria falaremos sobre como funciona o GOOGLE.

 

 

Portifólio MD Comunicação – Marketing Digital! 

 

Fale com a MD Comunicação | Marketing Digital!

  

Porque escolher a Agência MD Comunicação Marketing Digital

Entendemos o seu negócio e aplicamos nossa experiência em marketing digital. Estudamos os desafios e entregamos ações mensuráveis. Que tal iniciarmos uma parceria ainda hoje?

 

O primeiro passo é uma ligação.     Fale Conosco

 

PREENCHA O FORMULÁRIO
Receba nossas dicas gratuitamente em seu email 

 

 

 

Posted in Blog by MD Comunicacao